ALCKMIN CONTRADIZ LULA E DIZ QUE GOVERNO NÃO IRÁ REESTATIZAR A ELETROBRAS

O vice-presidente Geraldo Alckmin refutou, nesta sexta-feira (19), os rumores de que o governo planeja reestatizar a Eletrobras, em uma entrevista à CNN Brasil. No entanto, Alckmin questionou o atual modelo de privatização, alegando que, apesar de o governo possuir 43% das ações da empresa, só tem direito a 10% do conselho. Segundo Alckmin, a participação no conselho deveria ser proporcional ao capital da empresa.

 

Essa questão foi igualmente criticada na semana passada por Lula, que classificou como “sacanagem” a legislação que limita a participação do governo no conselho da Eletrobras. Lula afirmou que seu governo lutará para ter maior influência nas decisões da empresa.

Em resposta, a Advocacia-Geral da União apresentou no dia 5 de maio uma Ação Direta de Inconstitucionalidade, procurando aumentar a influência do governo na Eletrobras. O pedido, coassinado por Lula, solicita que a União tenha poder de voto proporcional à sua participação na companhia.

Fonte: Haro Brasília

EmSergipe

EmSergipe

Deixe uma resposta