CANTOR SANDRO REIS LANÇA SINGLE “TARDA, MAS NÃO FALHA”

A composição faz parte de um projeto que será lançado neste segundo semestre

O cantor sergipano Sandro Reis, lançou recentemente a sua nova música de trabalho, “Tarda, mas não falha”. O single é no ritmo do arrocha e marca o início de uma nova fase na carreira do artista. Com um refrão chiclete “quem nunca errou, atire o primeiro copo”, a música promete levar o romantismo e embalar os corações apaixonados.

A canção conta a história de uma pessoa que cometeu um erro dentro do casamento, e resultou no divórcio. Após perder a pessoa amada e se arrepender do que fez, ele/ela implora pelo perdão.

“A música é um combustível para a vida, e essa canção representa uma virada na história de Sandro Reis. Eu sempre fui intérprete de músicas que eram lançadas por outros artistas, e hoje, tenho a oportunidade de lançar essa música que passa uma mensagem muito bonita e representa um novo eu”, destacou Sandro Reis.

Com mais de 20 anos de carreira, o artista traz na bagagem a experiência das bandas: Jam Bahia, Grupo Amassa, Big Boys e Pássaro Livre. O destaque na carreira veio no ano de 2006, quando aceitou o convite para ser vocalista da banda Asas Morenas e emplacou alguns sucessos na sua voz, a exemplo das músicas “quem é o dono dos teus olhos” e “dodói de amor”.

Natural de Aracaju, Sandro Reis é filho único de José Nino e Maria Helena. Desde a infância sempre foi fã de música sertaneja, mas foi aos 15 anos de idade que Sandro despertou o desejo pela música, ao ouvir pela primeira vez o seu vizinho tocar violão. Com o passar do tempo, se aperfeiçoou e passou a receber convites para tocar em bandas na capital. O que antes era um hobby, se tornou uma profissão.

A nova música de trabalho do cantor já está disponível em todas as plataformas digitais e na plataforma de video youtube [https://youtu.be/ZsTlmmXQ8HM]. Também é possível acompanhar o trabalho do artista pela rede social instagram @oficialsandroreis.

David Rodrigues

Assessor de Imprensa
admin

admin

Deixe uma resposta