II ENCONTRO DO SABERES E SABORES EXPLORA A INFLUÊNCIA AFRICANA NA CULINÁRIA DE LARANJEIRAS

Evento acontece no dia 16 de setembro, sábado, no campus da UFS no município

O Saberes e Sabores é uma realização do Senac Sergipe que busca explorar a identidade cultural de cada município, por meio da culinária, e assim, valorizar o turismo gastronômico. No dia 16 de setembro, o público sergipano irá conhecer mais deste aspecto do município de Laranjeiras no II Encontro dos Saberes e Sabores. O evento acontece no campus da Universidade Federal de Sergipe (UFS), instalado no município.

A grande diversidade que está presente no continente africano desde do início dos tempos é uma grande base para a formação do povo brasileiro. O município de Laranjeiras possui uma das maiores comunidades de povos tradicionais do Estado de Sergipe, sendo o berço de povoados como a Mussuca, reconhecido nacionalmente por sua organização quilombola. A cultura gira em torno das heranças africanas que estão presentes nos grupos folclóricos, na culinária e na religião.

Dessa forma, a segunda edição do Saberes e Sabores busca explorar a influência africana na culinária da região, em especial, a comida de quilombo e de terreiro, trazendo também, atrações do folclore e da cultura para compor celebração cultural e o fomento do Turismo, que é uma das marcas do Senac.

A escolha da cidade de Laranjeiras ocorreu através de um pedido da própria prefeitura da cidade. “Após a realização da primeira edição, os gestores solicitaram que fosse feito em Laranjeiras, já que era de seu interesse que houvesse um evento desse porte lá para revelar as riquezas da região”, contou Marta Aguiar, coordenadora técnica do segmento de gastronomia do Núcleo de Desenvolvimento e Implementação Educacional (NDIE) do Senac/SE

Marta Aguiar explica ainda que para a realização do evento, a pesquisa é fundamental e, por isso, foi convidada uma pessoa da área de história para fazer a curadoria. Além disso, os palestrantes são escolhidos de forma minuciosa, para que sejam de fato pessoas inseridas na cultura.

“Feito o esboço, começamos a ver quais são os trabalhos de pesquisa que seguem essa vertente cultura, turismo e gastronomia. Convidamos pessoas envolvidas e pesquisadores do município. Então assim encontramos, Irailde Santos, da Yepada, que entende da comida ancestral de quilombo. Jorge Duarte, que está envolvida no processo da comida de santo, que é o ritual religioso e as escolhas dos insumos. Como também, Émmerly  Leite que é estudante da UFS e vai falar sobre a cultura Africana em Laranjeiras. Além disso tudo, a edição pretende mostrar como as oferendas religiosas passam a ser incorporadas na nossa mesa do dia a dia, como a acarajé, pelo chef Samuel Davi”, complementa Marta.

O gerente do Centro de Gastronomia e Turismo (CGT), José Américo Siqueira, enfatizou a importância da prática desse conhecimento para o Senac. “O advento dos Saberes e Sabores é importante porque vai permitir uma experiência com os diversos tipos de sabores e tipos de comidas regionais que existem em Sergipe. Além disso, é fundamental para trazermos inovações ao Senac e que possam ser ensinadas aos alunos e que tenha impacto nas comidas do restaurante escola”, afirma

Inscrição

Todos os sergipanos podem participar do evento, que é gratuito. Basta fazer a inscrição através do link: https://www.se.senac.br/2saberesesabores 

Programação

Manhã

08:30h  – Abertura com grupo “Folclórico Samba de Párea”.

09:00h  -Solenidade com autoridades Prefeito, Presidente da Fécomercio, Diretor Regional Senac.

09:30h – Palestra: “História Quilombola em Laranjeiras” – Emmerly Leite- Diretora de projetos de Igualdade Racial.

10:00h – Palestra: “Turismo e Gastronomia e seu potencial turístico em Laranjeiras” – Paulo César- Instrutor de Turismo do Senac.

10:30h – Palestra: “Culinária e Ancestralidade” – Irailde Santos- Responsável pela Yépada Gastronomia.

11:00h – Intervalo para degustação do acarajé

Tarde

14:00h – Apresentação do Grupo folclórico São Gonçalo

14:30h – Palestra: “O banquete de chão como proposta turística” – Advogada Edilma Chagas.

15:00h – Palestra: “Preparo das Comidas de Santo” – Bariloxá Jorge Duarte.

15:30h – Palestra: “Popularização da culinária Afro” – Chef do restaurante escola Senac Samuel Davi.

16: 00h – Coffee Break

Senac |SE
Redação EmSergipe

Redação EmSergipe

Deixe uma resposta