ISAC PARTICIPA DA ASSEMBLEIA DO SINTAMA EM DEFESA DO PISO DA ENFERMAGEM EM ARACAJU

Na tarde dessa terça-feira, 26, o Vereador Isac Silveira (PDT), teve uma participação notável na Assembleia Geral do Sindicato dos Técnicos e Auxiliares de Enfermagem do Munícipio de Aracaju (SINTAMA). O encontro realizado na sede da Força Sindical, no bairro Industrial, foi marcado pela discussão crucial sobre o pagamento do repasse da assistência financeira complementar da União destinada ao cumprimento do pagamento do Piso Nacional salarial dos enfermeiros, técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras; a Lei de Diretrizes Orçamentarias 2024; Indicativo de greve, e a necessidade de uma lei específica em Aracaju para garantir o pagamento correto do Piso Salarial da Enfermagem.

Mais uma vez, Isac demonstrou seu compromisso inabalável com a causa da Enfermagem ao destacar a preocupação com a ausência de uma legislação municipal que assegure o devido pagamento do Piso Salarial e enfatizou que “a falta dessa lei coloca em risco a remuneração justa dos profissionais de Enfermagem na cidade”.

Além disso, o parlamentar fez questão de destacar que “é lamentável que o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT), esteja tentando contornar essa questão vital, e ressaltou que é necessário um esforço conjunto para garantir que os profissionais da Enfermagem recebam o reconhecimento e a compensação que merecem pelo trabalho incansável na linha de frente da saúde. Não adianta ter chamado esses profissionais de heróis durante a pandemia, se, agora, não há o devido reconhecimento. Esse título não enche barriga, não põe alimento na casa desses pais e mães de família”, diz Isac.

A participação do vereador Isac Silveira na Assembleia Sindical do SINTAMA reflete seu comprometimento com a defesa dos direitos e interesses dos trabalhadores da saúde em Aracaju. Sua voz ressoou forte na luta pelo estabelecimento de uma lei específica que garanta o pagamento adequado do Piso Salarial da Enfermagem, contribuindo assim para melhorar as condições de trabalho e valorização desses profissionais essenciais para a comunidade.

 

 

Fonte: CMA

Redação EmSergipe

Redação EmSergipe

Deixe uma resposta