Saneamento no Sergipe tem potencial de receber mais de R$ 7 bilhões em investimentos até 2033, segundo pesquisa

O Marco Legal do Saneamento tem estimulado novos investimentos no país, ao facilitar a criação de instrumentos financeiros, processos de concessões privadas regulamentados e de um novo modelo de negócios no setor. Uma pesquisa da IFAT Brasil, com base em dados de órgãos públicos e empresas privadas, aponta que o estado do Sergipe tem o potencial de receber mais de R$ 7 bilhões em investimentos até 2033.

Entre as áreas do saneamento que devem receber mais recursos no Estado estão a gestão de esgoto, com quase R$ 2,7 bilhão; seguido pela gestão de resíduos sólidos e soluções em recuperação energética, com R$ 2,6 bilhões; pela gestão de água, com R$ 1 bilhão; e pela drenagem e infraestrutura de saneamento, com R$ 967 milhões.

Atualmente, o Sergipe tem o maior índice de gestão de água, com 83%, e de drenagem, com 27% da Região Nordeste. O estado ainda mantém o segundo maior percentual de gestão de resíduos sólidos, com mais de 75%. A coleta e tratamento de esgoto está com um índice de 38%.

O levantamento da IFAT Brasil prevê que a região Nordeste contará com investimentos da ordem de R$ 133 bilhões. A área com maior déficit é a drenagem, uma vez que estima-se apenas 14,5% de áreas impermeáveis com drenagem. No caso da gestão de esgoto, é possível ampliar os índices de 33% para coleta e 25% para o tratamento. Já a gestão de resíduos, apesar de o atendimento estar próximo a 68% e de se ter aterros sanitários (mais de 50%), o índice de tratamento de resíduos é ainda pouco expressivo, com a presença de lixões (mais de 45%). A gestão de água tem um índice próximo de 80%.

Em relação ao país, os investimentos externos na área de saneamento quase triplicaram entre 2020-2022, alcançando o montante de R$ 90 bilhões, em comparação ao período de 1992 a 2000, quando os aportes chegaram a quase R$ 35 bilhões. Segundo o estudo da IFAT Brasil, o setor tem potencial de receber recursos da ordem R$ 580 bilhões até 2033.

Sobre a IFAT Brasil

IFAT Brasil, feira internacional de saneamento no país, é organizada e promovida pela Messe Muenchen do Brasil, e tem o objetivo de conectar os diversos stakeholders do mercado, proporcionando em um único ambiente todas as soluções para gestão de água e esgoto, drenagem e infraestrutura para o setor, gestão de resíduos e soluções de recuperação energética, enquanto promove debates sobre os principais temas e desafios relacionados ao setor.

Marcada para acontecer entre os dias 24 e 26 de abril de 2024, no São Paulo Expo, em conjunto com a M&T Expo, maior feira de máquinas e equipamentos para construção e mineração da América Latina, a IFAT Brasil contará com mais de 10 mil m² de exposição, abrangendo todos os segmentos do saneamento – água, esgoto, drenagem e recuperação de resíduos -, o que posicionará a IFAT Brasil como um evento de temática completa para agregar o mercado e desenvolver soluções para o setor.

A feira contará com um Pavilhão de Inovação, em parceria com a ISLE Utilities, uma das maiores agências de inteligência do mundo em inovação no setor de águas. O espaço possibilitará que empresas com projetos inovadores participem de um processo de incubação de seu produto, com auxílio na capitalização e expansão de comercialização através das plataformas da ISLE Utilities.

Na área de conteúdo, estão sendo programados mais de 15 painéis temáticos. Para isso, serão estabelecidas parcerias internacionais e locais para fortalecer a representação dos principais assuntos que envolvem a operação e a tomada de decisão dos gestores públicos e privados, demonstrando experiências reais do setor.

Saiba mais sobre o evento: https://ifatbrasil.com.br/

Sobre a Messe München

Como uma das maiores empresas de feiras do mundo, com cerca de 50 feiras de bens de capital, bens de consumo e novas tecnologias, a Messe München estabelece novos padrões para inovação, flexibilidade e networking. Juntamente com as principais feiras internacionais, como bauma, electronica, IFAT e BAU, a Messe München está constantemente expandindo seu portfólio, adicionando, por exemplo, formatos digitais. Em sua sede em Munique, realiza feiras, conferências e eventos de alta qualidade. Atua em todos os importantes mercados em crescimento, como a China, Índia, Brasil e Turquia. Com sua rede de empresas associadas e agências estrangeiras, está presente em mais de 100 países.

Sobre a Messe Muenchen do Brasil

Como parte da estratégia de expansão internacional, em 2017 foi fundada a subsidiária Messe Muenchen do Brasil com o propósito de trazer para o mercado nacional os níveis de excelência e inovação estabelecidos na sede da Alemanha e apoiar o desenvolvimento de feiras de negócios em uma direção especializada e internacionalizada.

 

Imagem: Internet
Por: Assessoria de imprensa

Redação EmSergipe

Redação EmSergipe

Deixe uma resposta