URGENTE: CORONEL NAIME É ENCONTRADO DESACORDADO NA PRISÃO E É LEVADO PARA HOSPITAL

Na madrugada desta quinta-feira (13), o ex-comandante de Operações da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Coronel Jorge Eduardo Naime, foi encontrado inconsciente em sua cela nas instalações da corporação e posteriormente levado ao hospital. Ele foi preso em 7 de fevereiro, como parte de uma investigação sobre suposta omissão de autoridades nos atos de 8 de janeiro.

Informações de familiares indicam que Naime foi atendido e liberado do Hospital de Base ainda durante a madrugada. O oficial foi encontrado desacordado com um armário caído sobre ele. Após a remoção do móvel e atendimento inicial no local, Naime recuperou a consciência e não apresentava sinais de lesões ou fraturas.

Inicialmente, Naime foi encaminhado a um hospital conveniado por volta da meia-noite. No entanto, devido à sua condição de detento, teve que ser transferido para o Hospital de Base, uma unidade de saúde pública. Após a realização de exames, ele foi devolvido à prisão por volta das 4h.

Na sexta-feira (7), Naime completou cinco meses de detenção. Na véspera, seu pedido de liberdade foi negado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, que enfatizou a “evidente necessidade da manutenção da custódia para preservar a ordem pública e por conveniência da instrução criminal”. Segundo o ministro, o alto cargo e a liderança de Naime na corporação representam um risco para as investigações e a coleta de provas caso ele fosse liberado.

Fonte: Hora Brasília

admin

admin

Deixe uma resposta